sexta-feira, 25 de outubro de 2013

meu bem

eu penso em você, eu penso em você, eu penso em você, eu penso em você.

eu morria a cada atenção dele, a cada vontade de tê-lo que me afogava, me queimava, ardia e me curava. 

o teu olhar florescia a minha vontade de continuar.
mas minha pele e minha alma lembravam-me de outro alguém.

se esse alguém me voltou
com vontade de ficar,
eu penso em você que me
 quis num instante e
agora já não me quer.
eu preciso amordaçar minha vontade de você.
mas eu ainda penso em você.
que tolice! 
pensar em alguém
a não ser em mim.

eu sei

Nenhum comentário:

Postar um comentário