quarta-feira, 7 de maio de 2014

um mês

relaxa, pequena, é só um mês
nega, relaxa
o teu ritmo volta de onde parou
teus estudos, tuas rodas de samba
sem graças ou não
as tuas cervejas chocas
as tuas janelas abertas
serão vedadas agora

se receita revisitar alguns amores
para que se livre de algumas dores
e se envolva nos braços quentes
desse lar do qual você
não se despede, enfim

e quando for voltar,
volta, pequena, volta pro teu mar
volta pra tua roda de samba com graça
e que nunca disfarça quando quer dançar
volta pra cama do teu nego
e vive um dia inteiro sem nem se levantar
volta pro teu sorriso que te espera
ansioso para nos teus lábios se abrigar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário